Importância da drenagem linfática no pós operatório de cirurgia plástica


>





Com a realização de uma cirurgia plástica, como a lipoaspiração, podem acontecer alguns eventos clínicos comuns no pós-operatório. Esses eventos apresentam-se como: edema, hematomas, fibrose e outros.

Através da drenagem linfática, a fisioterapia pode auxiliar na redução desses eventos clínicos, acelerando o processo de recuperação pós-operatória, prevenindo e controlando as complicações comuns.

Hoje considerada de ampla utilização no tratamento de várias patologias, a drenagem linfática desenvolve sua ação principal sobre o sistema circulatório linfático, formado pela linfa, vasos linfáticos e linfonodos. A aplicação auxilia o aumento do transporte da linfa, que melhora a vascularização, a anastomose linfolinfática e linfovenosa e proporciona maior resistência defensiva-imunitária do organismo, devido ao aumento de células imunitárias que veiculam no próprio sistema linfático.

O procedimento de pós-operatório na cirurgia plástica é tão importante de ser realizado quanto a cirurgia propriamente dita, para se obter os resultados esperados e evitar sequelas comprometedoras.

A drenagem pós-cirúrgica deve ser feita no corpo todo para estimular a circulação linfática geral e, na área operada, o trabalho deve ser mais detalhado. Quanto antes se fizer drenagem linfática, melhor será o resultado final e menor será a formação de fibroses pós-operatórias.

Importância da drenagem linfática no pós operatório de cirurgia plástica Importância da drenagem linfática no pós operatório de cirurgia plástica Revisado by Faça Fisioterapia on 05:57:00 Nota: 5

Nenhum comentário